Eutanásia: Juristas católicos escrevem ao Presidente da República

16 Fevereiro 2021

A AJC lamenta que, num contexto de gravíssima difusão de uma pandemia mortífera que tem motivado os maiores esforços e sacrifícios para salvar o maior número de vidas possível, uma maioria parlamentar tenha aprovado uma lei em que se estabelecem as condições para se poder pôr termo à vida através da eutanásia e do suicídio assistido

A Associação dos Juristas Católicos (AJC) enviou uma carta aberta ao Presidente da República sublinhando a firme convicção de que a legalização da eutanásia e do suicídio assistido viola claramente os mais basilares princípios constitucionais, e defende, por isso, a fiscalização preventiva do diploma pelo Tribunal Constitucional.

Leia toda a matéria no site «Alternativa Portugal»

IPEC - Telegram

Ultimos artigos

25 de Abril, 50 anos depois: Meio século de ataques à Família e à Ordem Cristã

25 de Abril, 50 anos depois: Meio século de ataques à Família e à Ordem Cristã

A «liberdade» e a «democracia», tão proclamadas no 25 de Abril de 1974, foram rapidamente engolidas pelas forças da esquerda. O «contra-golpe» do 25 de Novembro impediu que o Partido Comunista tomasse conta do Poder, mas não foi senão um recuo estratégico da Revolução para entregar os destinos do País ao socialismo e aos seus aliados da social-democracia. Portugal entrou então em lenta agonia e a Família — célula mater de toda a sociedade — foi a mas atacada de todas as instituições, conforme descreve este Manifesto.

Biblioteca

O Regicídio de 1908
O Regicídio de 1908

Este livro é obra do Professor catedrático de Coimbra, Doutor Aníbal Pinto de Castro, tendo forte conteúdo  evocativo e rara beleza literária....

Share This