Entenda as origens MARXISTAS do NAZlSMO

24 Abril 2021

Em artigo escrito para o jornal “Legionário”, em Janeiro de 1939, o Professor Plínio Corrêa de Olveira denuncia a fusão doutrinária entre o nazismo e o marxismo. Dessa ligação — previu o catedrático brasileiro — nasceria um movimento que seria o «nec plus ultra» para os mais diabólicos planos de aniquilação da sociedade cristã.

O nazismo é mesmo de direita? Ou o nazismo é próximo ao marxismo? No primeiro dia do ano de1939, Plinio Corrêa de Oliveira, fazia uma impressionante previsão da fusão ideológica e política dos dois sistemas totalitários nazismo e comunismo. Meses depois o Pacto Ribentropp-Molotov veio comprovar o acerto dessa previsão. Friedrich von Hayek escrevia, em 1944, o livro O Caminho da Servidão, no qual alertava seus contemporâneos para os descaminhos do socialismo. E mostrava que as origens da ideologia nacional socialista, provinham do marxismo.

(Exposição sobre as origens marxistas do nazismo, por José Carlos Sepúlveda da Fonseca)

IPEC - Telegram

Ultimos artigos

25 de Abril, 50 anos depois: Meio século de ataques à Família e à Ordem Cristã

25 de Abril, 50 anos depois: Meio século de ataques à Família e à Ordem Cristã

A «liberdade» e a «democracia», tão proclamadas no 25 de Abril de 1974, foram rapidamente engolidas pelas forças da esquerda. O «contra-golpe» do 25 de Novembro impediu que o Partido Comunista tomasse conta do Poder, mas não foi senão um recuo estratégico da Revolução para entregar os destinos do País ao socialismo e aos seus aliados da social-democracia. Portugal entrou então em lenta agonia e a Família — célula mater de toda a sociedade — foi a mas atacada de todas as instituições, conforme descreve este Manifesto.

Biblioteca

O Regicídio de 1908
O Regicídio de 1908

Este livro é obra do Professor catedrático de Coimbra, Doutor Aníbal Pinto de Castro, tendo forte conteúdo  evocativo e rara beleza literária....

Share This